AS MULHERES QUE AMAVAM OS VIDEOJOGOS

AS MULHERES QUE AMAVAM OS VIDEOJOGOS

Editorial:
ATRAVÉS EDITORA
Año de edición:
Materia
Estudios sociales (sociología)
ISBN:
978-84-16545-30-8
Páginas:
153
Encuadernación:
Rústica
Colección:
ALICERCES
10,00 €
IVA incluido
Disponible en 1 semana
Añadir a la cesta Consigue 0,30 Puntos

“Adoramos os videojogos. De crianças já gostávamos. Sei lá o motivo desse fascínio, mas para nós existiu sempre. Hoje, achamos que são um meio narrativo de grande potencial e uma forma de arte. Importamo-nos com os videojogos, mas eles nunca se importaram connosco: a indústria parece ter um problema com a nossa existência, porque não a reconhece.

E apesar de tudo, como muitas outras, continuamos a jogar.

Embora as estatísticas indiquem que as mulheres são, pelo menos, metade das pessoas que usam videojogos, persiste a ideia de ser um espaço masculino. Então, que se passa connosco?”

Prólogo de Isabel Dias: Professora Agregada com Associação. Faculdade de Letras da Universidade do Porto.